Comece o ano, desfazendo-se dos entulhos que você carrega.


Sua vida pode não estar indo para frente, por conta dos entulhos, lixos psicológicos (mágoas do passado, ressentimentos, decepção, revolta, tristeza, raiva) que você carrega, além dos entulhos materiais que guarda em sua casa(revistas, jornais velhos, utensílios, aparelhos quebrados, mobílias velhas, tranqueiras, etc.).


Ou seja, os lixos internos e externos, impedem a livre circulação da energia em sua vida. É preciso, portanto, se desfazer, fazer uma faxina interna e externa, para que o fluxo de energia circule livremente em sua vida.


Lembre-se: Vida é energia!


É o caso de uma paciente, onde o ambiente familiar, era muito conturbado. Vou relatar, a seguir.



Caso Clínico: Ambiente familiar conturbado. Mulher de 55 anos, casada, com 4 filhos.

Ela veio ao meu consultório, por conta de seu relacionamento conturbado com o marido e seus 4 filhos (três filhas e um filho). As filhas a criticavam muito (segundo a paciente, críticas ferinas), apontando seus defeitos (tudo que fazia em sua casa, as filhas colocavam defeito). Seu marido estava brigado, distante e irritadiço com ela - não aceitava o seu carinho, abraço, não estavam também se relacionando sexualmente.


Por conta da hostilidade e desaprovação de suas filhas e de seu marido, sentia-se rejeitada, excluída, como se não fizesse parte de sua família e, com isso, comia compulsivamente, chegando a engordar bastante.


Outro motivo que a levou a me procurar, era o fato de não concluir o que começava - sentia um bloqueio, que a impedia de realizar o que queria.


Desta forma, cultivava sentimentos de incapacidade, insegurança, medo de enfrentar a vida (estava pensando em desistir do curso de medicina ayurvédica, pois não se sentia suficientemente capaz de exercê-la como profissão). Era, portanto, muito pessimista, com uma visão negativa, diante da vida. Ao regredir, ela me relatou: “Alguém está me dizendo: - Minha filha, estou sempre com você!


- Pede para esse ser espiritual se identificar.


“Sou seu pai espiritual, de sua família espiritual, do jardim das laranjeiras” (é a família de origem da paciente, no plano espiritual), ele me diz. Diz ainda, para fazer uma faxina mental e do ambiente de minha casa.


Pede, também, para colocar para fora todas as emoções que já não me servem mais. Tenho que soltar tudo o que já não preciso mais, portanto, devo fazer uma faxina interna e externa.


Fala para me desfazer desse entulho. Diz que tudo aquilo que não uso mais é fardo, que é essencial jogar fora tudo isso; ressalta, que tenho muita coisa guardada em casa, e que isso impede a circulação de energia do ambiente.


Ele me lembra, que o armário de casa e a garagem estão cheios de tranqueiras, de coisas velhas, das quais preciso me desfazer (pausa).


Estou sentindo, agora, um frescor... Ele está me energizando com a imposição de suas mãos.


No começo desta sessão (era a 5ª sessão de regressão), eu estava sentindo um peso, um aperto, um ardor no peito, mas agora tudo desapareceu (pausa).


Sinto também uma alegria, uma vontade, uma determinação que há tempo não sentia, uma vontade de sair do consultório e chegar logo em casa, arrumar, jogar fora todas as tranqueiras que guardo há muito tempo”. Na 6ª e última sessão, a paciente me disse: “Limpei, joguei fora uma pilha de revistas e objetos velhos, entre outras coisas. Meu marido me ajudou, sem eu pedir, estranhei, pois ele estava muito distante de mim.


Estranhei, também, a minha reação, essa vontade de fazer uma faxina completa em casa, pois andava bastante desvitalizada, desmotivada e depressiva.


Depois que conversei com o meu mentor espiritual, na sessão passada, saí daquele marasmo, apatia e imobilismo em minha vida (é comum nesta terapia, o paciente mudar as suas atitudes e sentimentos, após conversar com o seu mentor espiritual).


No curso de massagem ayurvédica, estou, agora, me sentindo bem, capaz, segura, ao colocar em prática com os meus colegas o que estou aprendendo. Não estou mais me sentindo incapaz.


Sinto que algo mudou dentro de mim, pois, em casa também as coisas mudaram. Minhas filhas não estão mais me criticando, como antes; agora, estamos conseguindo dialogar, sem que me sinta ofendida.


Estou conseguindo expressar o que penso e sinto. Meu marido está aceitando o meu carinho, voltamos a fazer as pazes e nos relacionarmos sexualmente.


Tudo voltou ao normal, ele está mais agradável e amoroso comigo. Antes, estávamos vivendo como irmãos, sem um tocar no outro. Não adiantava querer dar carinho, ele respondia com irritação e frieza.


O meu mentor espiritual está me dizendo: -Vá em frente, minha filha, um ciclo já se completou em sua vida! Seja agradecida por todas as bênçãos recebidas. As travas foram soltas, a sua alma está mais livre.


Estou sentindo um cheiro de perfume” (os espíritos de luz costumam exalar delicados aromas, quando estão presentes).

- Pergunte em relação ao nosso tratamento?


“Ele esclarece, que essa jornada já foi completada, que minha vida interior está florescendo, me diz: - Você têm muitos seres espirituais te cuidando. A lição de coragem já foi aprendida. Muitas outras benções ainda virão. (pausa).


Sinto-o me apoiando, segurando a minha nuca e as costas com as suas mãos (paciente estava deitada no divã).


Ele conclui me dizendo: - Nosso trabalho já foi feito, siga em paz!”.





137 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Espaço Holístico RenovAção 

 

Rua Luís Góis, 2068 - Saúde - São Paulo/Brasil  CEP: 04043-200

 

     

 Contato:  (11) 2369-9831  (11) 94107-7222       

 

e-mail : espacoholisticorenovacao@gmail.com

  • Facebook
  • Instagram